✿ Pés e rostos ...✿





Gislene não levantava os olhos...

Sentada naquele banco , olhar baixo, encurvada e, daquele ângulo, apenas pés podia avistar dentro do coletivo...

Via pés...Pés cobertos com sapatos, tênis de todos os tipos... Quase todos, como uniformes que as pessoas usavam e adotavam...Porém, cada um mostrando a marca do seu dono, ficava mais torto, mais limpinho, mais bem tratado, surrado...

Os pés juntos ou desalinhados, pareciam se ver ,encontrar e conversar entre si...

Gislene, quando finalmente levantou o os seus olhos,  passou a ver e observar  os rostos...

Esses,  tão diferentes uns dos outros... Mas todos também com marcas: da idade, da jovialidade, das preocupações, da alegria...

Porém esses rostos, não eram apenas diferentes. Eram ainda, quase sempre INDIFERENTES uns aos outros...

Ela, continuou ali sentada até a hora de descer em seu ponto...

Levou tantas reflexões daquilo...