♥ Um ancoradouro... ♥



Ed.Musical do Bloinquês:

Tema:
Quando você se segurou em mim como se eu fosse sua pequena jangada ♪

(((o)))o(((o)))o(((o)))


Querido filho!

Hoje, voltei o filme da vida e me deparei aqui...

Estávamos numa praia linda.

Lá haviam pedras lindas e grandes formando em determinadas horas , uma correnteza.
Barulhinho lindo por lá, da água batendo nas pedras. Esse era o cenário.

Nós dois, teu pai e eu, sentados, tudo olhando  e tu filho, ali perto, com tua jangadinha ,feita com toquinhos de madeira nas águas a  brincar.

Teimavas em subir nas pedras. Pulavas de uma em uma.

_Cuidado, vais escorregar! Te dizíamos.

Nem nos ouvia...Seguias ali entretido no teu mundo de aventuras e imaginação.

De repente, uma onda um pouco maior ,parecendo grande para teus cinco aninhos, fez maior barulho e volume  entre as pedras e dela fugiste. Vieste correndo pro nosso colo.

_Escapei!

Naquela hora, ao te abraçar de modo protetor, uma enorme emoção.

Hoje, após tantos anos, no mesmo lugar, levo teu filho, nosso neto.

Ele com seu barquinho, agora mais incrementado,colorido, mas ainda simples, ao vê-lo ali, atraído pelas pedras, não pude deixar de relembrar aquele momento ♪quando você se segurou em mim como se eu fosse sua pequena jangada ♪.

Senti saudades , tantas saudades.

Agora, estás navegando o barco nos mares da tua vida.  Por vezes revoltas, outras,épocas de  calmarias.  Nessas até pareces nem precisar de mais nada...Mas sempre sabes que podes voltar ( e voltas!! Como voltas,rs)) aos braços protetores que ainda estão aqui e enquanto der estarão te esperando!

Beijos ,
teus pais