* Onde estava a felicidade?

Era uma 2ª feira fria e...chata!

Paula estava agitada e nem ela se aguentava.

Foi à internet,virou,mexeu, abandonou...

Foi à tv, zapeou, zapeou e ...dormiu...
Teve um sonho...

Sonhou que voava, voava, até chegar num mar azul,de águas límpidas,clarinhas, convidativas e mornas.
Lá entrou, nadou, nadou , até cansar!

Enquanto se deliciava,pensava:
-Por que diabos não moro num lugar assim? Porque tenho que estar tão distante do que tanto adoro e me faz bem?

Rumou seu voo de volta e eis que chega em casa...

Acorda, com a entrada do marido no quarto.
_Oi,querida! Dormindo a essa hora? Não estás bem ?

_ Estava apenas cansada e entediada, deitei e até consegui dormir. Nem imaginas o que sonhei...

E então conta o sonho ao marido.

Nessa hora, ele sorridente, pega em sua pasta um envelope e entrega à ela.

Ao abri-lo a surpresa: passagens para o Nordeste.

Ela pula de alegria,vibra! Que bom!

Que bom!

_Quantos dias ficaremos por lá?

_ Se quiseres,para sempre! Decidi me aposentar e sabendo do teu sonho, faremos tua vontade.Estou disposto a ir contigo para lá viver.

-Espera, me belisca! Me belisca pra ver se realmente estou vivendo esse momento.

_ Sim, não preciso fazer isso...

Vamos, vamos, começar a pensar na mudança!

Ela olha no relógio: 22:49 horas.

Puxa! Aquela segunda-feira estava quase acabando...

Amanhã,depois de amanhã e depois,depois, depois...nunca mais seriam aquele tédio!pensava...

Nessa hora,passa a ouvir uma vozinha inquieta e insistente em seu ouvido, completando a frase de seu pensamento:

"Para tanto, precisas te esvaziar interiormente de tuas inquietações,tuas angústias...Caso contrário, bem sabes, elas irão contigo para onde quer que vás! "

E assim,sentou quieta num canto, pensou, repensou e tratou de começar a se modificar a partir daquele momento...

Valeria a pena! E,na certa, o mar seria um grande parceiro nesse seu novo renascimento! Haveria de conseguir!!!Tinha certeza!

Seriam muito felizes na nova vida por lá!
...................................

Passam-se alguns anos e eis que ela volta para a cidade onde crescera e vivera sempre.

_Aqui sim, seremos felizes, tenho certeeeeeeeeeeza desta vez,querido!

Ele, bem sério, com sua habitual calma, responde:

_Seremos não, TU serás... Eu estou voltando amanhã para aquele lugar maravilhoso que acabaste de deixar pra trás.Lá e em todos os lugares SOU FELIZ!

Assim,ela que pensava e estava ainda atrás da felicidade, agora estava só.

Tão só que nem mais aquela voz, sua companheira de tantos anos, lhe falava ao ouvido!