Vejam no Chica brinca de poesia!!!

Vejam no Chica brinca de poesia!!!
Basta clicar!

Lá no chica escreve tem...

Lá no chica escreve tem...
Cliquem pra ver!

* Liberdade...

Esse texto faz parte da participação do blog da Jackie:   3ª edição do Onde as Palavras se Sobrepõe. e que para minha alegria, na 2ª edição fui colocada em 1º lugar. Ver Aqui

(((o)))o(((o)))o(((o)))

LIBERDADE
Quando pequena
todos a olhavam
achavam que seria
uma linda moça
seus olhos brilhavam...

Tinha a alegria
sabia brincar,sabia viver...
amigos fazia
por onde andava...

depois foi crescendo
na escola chegou
outras pessoas
pela vida encontrou
pessoas na escola
entre outras tantas,
queriam fazer mal...

chamavam de tudo,
 inventavam defeitos
ameaças faziam
silêncio sobre isso exigiam...

Muito ela passou
até que um dia,
sua paciência acabou...

Deixou de lado 
o medo guardado.
Falou para o mundo
o que lhe faziam...

Foi ajudada
a escola alertada.
Providências tomadas
sua vida mudada.

Agora sentia
novamente a alegria
foi  até festejar
no parque passear.

Olhava sua sombra
nada mais sentia
o medo de outrora
não mais existia!

Era feliz agora
assim devia ser
os provocadores,
a lição haveriam de ter!

Um conselho ela dava
pra todos ouvirem
não calem seus medos,
e ao que não merecem,
não se acostumem!!!


*  Olhando essa imagem acima senti a LIBERDADE  e logo pensei nessa tragédia que acontece nas escolas,se tornando quase normal em nossa realidade.

Mandamos filhos e netos às escolas e por lá, ficam a mercê de monstros em forma de crianças ou adolescentes e tantas vezes, não tem força pra gritar, tem medo  e , por ele, se calam.

Essa da imagem, na minha imaginação, conseguiu se libertar e gritar.

Que todos os nossos alunos e crianças,possam ter a tranquilidade de ir e vir  DAS  e NAS escolas sem medos, ir às festas,sem ameaças de outros "coleguinhas"ou "amigos"... Chica

46 comentários:

  1. Chica
    Ando a passar maus bocados com a escola da minha filha. Alias, não com a escola em si, com uma mãe que tem problemas mentais e anda a atazanar as pobres crianças.
    Cheguei a me emocionar com teu texto.

    Beijo grande

    ResponderExcluir
  2. Mas um comportamento bom é incentivar as nossas crianças ter espaço para falar os que a afligem...

    Fique com Deus, menina Chica.
    Um abraço.

    ResponderExcluir
  3. Isso eh mt triste - aqui nos USA eh um dos maiores problemas que eles tem e umas semanas atras, uma menina ate cometeu suicidio devido aos colegas implicarem com ela e constatemente a colocarem pra baixo.

    Os adolescentes que a instigaram por meses ou anos estao sendo levados a justica, espero que sejam punidos de alguma maneira... Mt triste mesmo!

    Bjos

    ResponderExcluir
  4. Aprovo meninas e meninos aprenderem o mínimo para se defenderem...existem métodos de auto-defesa. Mas o principal é ensinarmos a amarmo-nos uns aos outros e não fazer ao outro o que não queremos que nos façam...
    Mas...por tudo isto, cometemos um grande erro na educação de nosso filho...não lhe ensinámos que existia o mal...que haviam pessoas capazes de tudo e bem camufladas...que julgamos nos estarem a meter no coração e na volta apunhalam qualquer um pelas costas.
    Assim, com uma vida de casal sólida, calma,como exemplo, nunca nosso filho pensou que ao juntar-se com uma companheira a vida tornar-se-ia num inferno.
    Foi o que aconteceu...o inferno passou a doença/depressão, derivado ao desgosto da perda da família que supunha ser para sempre.
    O que se passa nas escolas, está a tornar-se muito preocupante.
    Belo texto, com possiblidade de irmos partilhando as nossas vidas reais.
    Bjs. sinceros
    Mer

    ResponderExcluir
  5. Chica, adorei sua postagem. Muito oportuna a mensagem. Infelizmente, muitos pais aprovam e incentivam a violência para seus filhos, em prejuizo da convivencia com os colegas.
    Um abração com carinho.
    Manoel.

    ResponderExcluir
  6. Muito lindo, Chica
    Tenho que aprender a "não calar meus medos"...
    Beijinhos mil
    Verena

    ResponderExcluir
  7. Linda poesia amei!!!

    Que nossas crianças possam ir a escolar em paz e ter apenas boas lembranças desta época tão linda!

    Obrigada pela visita!

    bjooo

    ResponderExcluir
  8. Mas bah, Chica.
    Muito criativa, transformar em versos, uma história do cotidiano.
    Parabéns.

    ResponderExcluir
  9. A primeirz vez que vi um cigarro de maconha foi em uma escola particular. Elas sempre estão lá dentro... Beijos

    Adorei a foto

    ResponderExcluir
  10. A auto-defesa pode ser ensinada de vários modos, de acordo com a compreensão das crianças, e deve ser ensinada para poupá-los de alguma maneira da covardia de adultos.
    beijos

    ResponderExcluir
  11. Merecido premio, um poema bonito e que fala de algo muito importante nos dias de hoje.
    beijos

    ResponderExcluir
  12. É preciso estarmos muito atentos as coisas que acontecem com esses pequeninos, não? Dependendo do tipo de educação que recebem em seus lares, podem representar perigo sim a tantas outras crianças... hoje em dia isso já foi até diagnosticado!
    Um abraço, Chica! E boa sorte de novo na eleição!
    Jr.

    ResponderExcluir
  13. Chica, um texto mais que oportuno,além de muito criativo como tudo que você nos propõe.Bulismo é realidade viva nas nossas escolas e precisa ser combatido interagindo família-escola e sociedade com medidas protetivas às vitimas e punitivas aos agressores.Quando pequena sofri muito até fazer meus pais perceberem o que estava acontecendo e me transferirem de escola,mas hoje tento desde já com os filhos,embora pequenos, dar confiança e segurança pára que eles não calem e não se intimidem diante de qualquer forma de abuso ou violência.Curiosidade:Na Itália há um nº tipo 0800 onde a criança ou o jovem pode denunciar qualquer tipo de violência em ambiente escolar e as leis da educação sofreram mudanças também a esse respeito.Mas, há muito o que fazer e escrever,divulgar,orientar também pela rede são meios de grande influência e encorajamento nesse bom combate!
    Grande abraço,Bergilde
    *Desde já desejando feliz dia das mães se não pudermos nos comunicar até lá.

    ResponderExcluir
  14. Parabéns por tudo, Chica. Você é muito legal. Beijos

    ResponderExcluir
  15. Excelente idéia mencionar esse assunto tão real em nossas escolas Chica.
    Parabéns pela premiação!

    abçs
    Adriana

    ResponderExcluir
  16. Chica,não tinha visto essa poesia!Que beleza de tema abordou,tão dificil para as crianças e vc colocou com leveza e segurança ao mesmo tempo!Parabéns pelo primeiro lugar!Muito merecido mesmo!Valeu!Temos que proteger nossas crianças desse ataque covarde nas escolas!Bjs,

    ResponderExcluir
  17. Chica

    Há momentos em que o silêncio fala melhor, mas aqui as palavras devem se sobrepor, com certeza!
    Linda poesia/exemplo!

    Bjs, minha querida
    Dia lindo pra ti!

    ResponderExcluir
  18. A liberdade é uma palavra muito forte em sentidos mas pouco valorizada hoje em dia. A liberdade de escolha, a liberdade de expressão damo-la como adquirida sem nunca pensarmos o quanto difícil foi alcança-la e o quanto o é ainda em muitas sociedades. Mas será que as sociedades modernas são verdadeiramente livres? Será que cada um de nós o é realmente? tenho as minhas duvidas. As imposições sociais e as nossas obrigações pessoais impedem-nos de viver em pleno essa liberdade. Depois, a nossa liberdade acaba quando começa a de um outro pelo que junto a ela deve andar sempre o respeito e esse é que falta e muito nos dias de hoje. É no trabalho, é na escola, é na sociedade em geral. Tenhamos força para empregar esta palavra tão importante com civismo e cidadania. Bjs

    ResponderExcluir
  19. Parabéns pela participação, existem muitas crianças perversas, sinto pena de dizer isto mas infelizmente é verdade, talvez a culpa não seja delas mas da formação que levam ou da falta de acompanhamento, enfim é tão triste
    beijinhos

    ResponderExcluir
  20. Chica, liberdade, liberdade...
    sem ela, como seríamos? não consigo imaginar viver sem ela.

    ResponderExcluir
  21. Merecido o 1º lugar, Chica. Meus parabéns! Fica aqui o seu alerta de forma linda escrita, e que pais e professores fiquem atentos, porque o medo que sentem as crianças, pode ficar escondido por tempos dentro delas... Beijão amiga.

    ResponderExcluir
  22. Olá amiga! Passando para retribuir a visita e apresentar minhas desculpas pela minha ausência. Infelizmente, motivos alheios à minha vontade me forçaram a isso. É que perdi uma parte viva da minha história, mas a vida continua. Espero mais uma vez, contar com a sua valiosa compreensão.

    Abraços e fique com DEUS.

    Furtado.

    ResponderExcluir
  23. Um poema bem elaborado dentro de uma realidade.

    Meu blog está na semi-final, obrigada amiga.

    beijooo.

    ResponderExcluir
  24. Muito bom o poema e com um tema bem atual. Belo alerta!!!
    Bjkas!

    ResponderExcluir
  25. Oi querida ... Ameiiii seu blog ... essa mensagem foi linda .... nossos filhos são nossos tesouros ..... temos que ficar muito atentos ao Bulismo se a criança não se abrir para o que esta acontecendo ... isso pode traumatiza-la para sempre .....temos que estar em comunicaçao constante com nossas crianças .... saber tudo o q que se passa na escola e assim tbm poder ajuda-la ...... Adorei mesmo o poema !!!! E muito obrigada pela visitinha no meu blog aparece mais vzs viu?! .... ja estou ti seguindo ... bjinhos Franzzinhah

    ResponderExcluir
  26. Um texto muito oportuno e criativo! adorei.
    Bjs

    ResponderExcluir
  27. O booling (não sei se é asim q escreve!) é essas humilhações e torturas psicológicas que acontecem frequentemente na escola, entre aluno e alunos e até professores. Devemos combater esse tipo de coisa! Belo texto

    bjo

    ResponderExcluir
  28. Chica!

    Voltei pra te informar que, carinhosamente, o Blog Contatos Imediatos oferece um selo de qualidade para o teu blog! Passa lá depois pra saber mais sobre essa história!
    Um beijão.
    Jr.

    ResponderExcluir
  29. Chica maravilhosa a sua participação - como sempre - Já tinha feito um comentário antes e sumiu, caso venha repetido fico feliz está falando em dobro.
    Tenho certeza que estás mais uma vez no pódio.
    Beijos

    ResponderExcluir
  30. Não só devemos orientar os nossos filhos a se defender e procurar os seus direitos dentro da escola como devemos também alertar a direção das escolas para que fiquem sempre atentos e tomem as devidas providências, embora nem sempre isso funcione, pelo menos onde eu moro. Nas escolas públicas o tratamento de um aluno para outro aluno e de um aluno para um professor é realmente lamentável! Os meus dois filhos estudam em escola particular e embora também tenha muitos defeitos e atitudes que me contrariam como mãe, pelo menos posso exigir os meus direitos e os direitos dos meus filhos.
    Infelizmente é assim!!
    Beijos

    ResponderExcluir
  31. Oii, querida !!!


    Parabéns pelo primeiro lugar.

    Lamentável essa situação... belíssimo e real o teu texto.

    Beijinhos

    Ana

    ResponderExcluir
  32. Chica, me arrepiou. Vou ficar atenta ao que meus baixinhos me dizem sobre a escola!
    Beijinhos,
    Dani

    ResponderExcluir
  33. Chica,
    Acho que este é o texto mais bonito que já li de você. Me fez chorar. Vou explicar porque.
    Tenho um sobrinho de 9 anos que nasceu com orelhas de abano. Minha irmã é bem pobre; o enxoval do filhinho caçula dela foi em parte doado por amigas do meu blog.
    Mas estamos lutando para pagar a cirurgia do meu sobrinho mais velho. São quase 3 mil reais. Agora falta 1000. Ele faz acompanhamento com psicóloga há 3 anos, e é muito agressivo. Tudo por causa da crueldade de outras crianças com ele. Ele sofre muito.
    Estamos lutando para juntar o dinheiro que falta para que agora que ele completou a idade necessária ele possa ser operado nessas férias próximas.
    Já pensei até em pedir ajuda no blog, fazer uma rifa, sei lá, mas desisti pois estamos dando um jeito por aqui. Mas com três filhos fica duro pra minha irmã...
    Meu sobrinho precisa descobrir essa liberdade do seu texto...
    Morro de pena.
    Beijos, minha querida. Desculpe o desabafo.

    ResponderExcluir
  34. Querida Chica,
    Este seu texto está fantástico.
    É uma realidade, criamos nossos filhos para enviá-los ao convívio de "monstros" do mundo e não só das escolas.
    Temos sentido algo parecido com nossa linda Carmencita, que, por ser muda seletiva é alvo de todo tipo de chacota e incompreensão possíveis e imagináveis, mas o pior... não por parte de coleguinhas sejam crianças ou adolescentes, mas por parte daqueles que deveriam orgulhar-se de ter uma tarefa tão importante, a de educar.. isso mesmo, amiga, por parte de adultos professores, educadores e até mesmo, psicólogos... é doloroso, muito doloroso!
    Beijos flores e muitos sorrisos!

    ResponderExcluir
  35. Já nada é como dantes era.

    Nem aí,

    nem aqui.

    Beijoca

    ResponderExcluir
  36. Muito tempo que eu não comento aqui. Bom texto. Gostei mesmo.

    Acho que você poderia mudar o corpo, talvez o tornasse mais forte, melhor.

    Grande Beijo

    ResponderExcluir
  37. Chica, lindo texto e infelizmente vc tocou numa ferida: os alunos hoje em dia. Aqui tb acontece muito disso e há casos de depressao profunda. Muito triste o ser humano tao jovem , mas com um peso desse.

    Bom fim de semana

    Bjao

    ResponderExcluir
  38. Lindo, Chica.
    Há tanta e tanta criança que sofre sem a possibilidade de se expressar e quando o faz nalguns casos há danos irreparáveis.

    ResponderExcluir
  39. Parabéns Chica
    Voce merece !
    Liberdade sempre Chica com responsabilidade Precisamos estar mais atentos com nossos pequenos.
    Um descuido pode ser fatal, nem sempre conhecemos seus "amiguinhos "
    muitos abraços

    ResponderExcluir
  40. Oii, amiga !!!


    ♥ "Optar por um filho é decidir em dado momento ter o seu coração caminhando fora do corpo para sempre". ♥

    Elizabeth Stone


    Um lindo e feliz dia das mães !!!


    Beijinhos

    Ana

    ResponderExcluir
  41. Oi Chica,

    Parabéns pelo primeiro lugar!!

    Você disse tudo...

    Beijos e Feliz Dia das Mães...

    ResponderExcluir
  42. Parabéns pelo primeiro lugar. Obrigada pelas tuas palavras. Este poema mostra uma realidade em que muitas crianças se vêem envolvidos, incluindo os meus filhos, esta semana foi o mais velho (15) que por não ser dado a actos de violência nem agressividade foi por 3 vezes agrdido na escola, e só à 3ª vez contou porque o professor viu-o com a cara ainda vermelha. Muito sofrimento para nós pais. Beijinhos.

    ResponderExcluir
  43. Merecido primeiro lugar amiga, não só pelo texto,mas, por toda colaboração que dá a blogosfera.Sua atenção,preocupação e dedicação merecem um troféu. Eu não sofri tanto na escola,mas, antes dela.Minhas amigas eram todas branquinhas e eu era bem morena,quase jambo e as mães delas não gostavam que eu brincasse junto.Eu não falava nada porque não entendia. Eram armênios e o preconceito era grande também com quem não era da mesma raça. rs...Bjs e abraços de montão

    ResponderExcluir
  44. Q. todos nós possamos ir e vir de escolas, igrejas, da casa de amigos, de parentes...em segurança. Q. Deus olhe sempre por nós. Feliz Dia das Mães ! bjs, Mi

    ResponderExcluir
  45. Adoro quando vejo um poema, um soneto, uma trova, em que a criatividade usa a inspiração e acrescenta fatos, relatos, denúncias...E, assim torna o belo útil, não só à emoção e aos olhos, mas ao cotidiano. Merecidíssimo o prêmio...Parabéns!

    ResponderExcluir
  46. Chica, parece que os pais de hoje deixam de repetir um ensinamento básico que meus pais e muitos pais de outrora nos deram: "Filho, respeite os mais velhos e jamais briguem com ninguém na escola. Você deve ser amigo e nunca humilhar ninguém".

    Cresci com isso gravado em minha cabeça.

    Lindo poema.

    beijos

    ResponderExcluir

✿ Coisa boa te ver aqui!beijos,chica ✿