♥Um girassol e nada mais? ♥



Gilson era um homem  que desacreditava de tudo.

Era cinza, não tinha nem emoções. Uma  pessoa que parecia e pensara sorumbaticamente, tudo atrair e lhe acontecer.

_O que fiz pra merecer essa vida?

_Por que tudo acontece comigo? Essas eram sempre suas palavras, aliás, poucas  mais do que essas, mesmo ele dizia.

Tudo parecia acontecer , justamente com ele, segundo o próprio pensamento...

Olhava para o campo, via a plantação que secara e já vinham blasfêmias e espraguejações...

Taís, sua companheira, era exatamente o oposto.

Aceitava as contrariedades da vida, porém REAGIA.
Não ficava apenas reclamando.

O ajudava na plantação e nas colheitas, no momento paradas.

Vendiam flores, entre outras coisas...

Agora era a época de esperar e torcer por uma boa chuva, para que a terra seca, se recuperasse.

E, enquanto Gilson reclamava, ela, confiante, rezava.

Veio, após dias,  uma chuva e ela a saudou muito, cheia de alegria:

_Gilson, vem cá, vamos sentir o cheirinho da terra molhada...
Ele, em sua bestialidade , apenas retrucava:

_ Ora, mulher, de que adianta uma chuvinha dessas? É pouca, nada melhora com ela.

_ Mas é um bom sinal, homem de Deus. Deixa de ser assim negativo, pra baixo sempre!!!

Deixou o marido chato ali sozinho e saiu...

Dias depois, ao passar pelo campo, viu um girassol. Parou, o olhou feliz e sorriu para ele:

-És o primeiro,não é? Logo outros e mais outros virão...

Entra correndo em casa e conta ao parceiro:

_Querido, as coisas vão melhorar por aqui.


Tivemos um lindo sinal disso hoje. Queres ver?

_NÃO!!! Mas o que foi?

_ Tivemos o primeiro sinal hoje, pois há um girassol que nasceu, novinho em folha, lindo e ao olhá-lo, já visualizo esse campo cheio deles, brilhando, amarelinhos e...blá,blá,blá...  Segue falando entusiasmada!

Ele apenas ouve .

_ Vem, vem comigo ver!


Ele nem se move!

_ Para que eu tenho que sair  se vou ver SÓ UM girassol no meio de todo resto dos canteiros secos e feios?


_Ora, seu bobo! Esse é o sinal!!!
É a esperança! Acredita nisso e" não olha apenas o buraco do queijo".


Vamos lá!

Vais ver! Logo, logo, o campo será todinho amarelo, com folhas verdes lindo!!!

Ele ouviu tido aquilo, fez um muxoxo ,mas concordou em ir até lá!

Foram de mãos dadas e a partir daquele dia, começaram a acompanhar assim de pertinho todos os dias.

-Olha mais um, dizia ele, outro ainda, outro...E assim foram!

Ele esqueceu de apenas reclamar , passou a ver o nascer das flores e a esperança o invadiu. E como ela precisava dela!!!

Conseguiu ser um homem feliz e claro, Taís estava vibrando com isso!

E as coisas ficando sempre melhores!