Vejam no Chica brinca de poesia!!!

Vejam no Chica brinca de poesia!!!
Basta clicar!

Lá no chica escreve tem...

Lá no chica escreve tem...
Cliquem pra ver!

♥ Quem será?♥




Edição Conto/história do Bloinquês

Tema: Todos queriam saber mais sobre quem era o(a) novo(a) vizinho(a).

(((o)))o(((o)))o(((o)))

As "marocas" estavam  alvoroçadas naquele dia.

O elevador parado no 6º andar,  mudança nova no prédio entrando.
Era só o que sabiam...

_D.Mirtes, pode vir aqui um pouco? Perguntava D.Joaquina.
_ Claro, já estou indo!!!

E assim começam a espiar a mudança.

Foram as duas para a janela da casa de Joaquina, no 8º andar e de lá bem podiam ver todos os movimentos, móveis e pessoas que passavam.
Nada , nenhum detalhe era perdido.

_Xi, acho que  vamos ter um vizinho gatão, saradão, pois o que entra de aparelhos para musculação!!!

_ Tomara, esse prédio tá mesmo muito "caído". As idades daqui  somadas fariam inveja à Matuzalém...

-Será ele solteiro?

_Será bonitão mesmo?  Tenho esperança de arrumar um bom partido pra minha Zefinha, coitadinha, tão atrasadinha na vida. Tá com 59 anos e nenhum pretendente ainda!


_ Pois, sim!!! Acho que minha Norminha vai ver primeiro e quando ele a notar por aqui, esquecerá tuuuuuuuuuudo!...

Assim, ficavam as dias por lá a papear, a conjeturar.

E os móveis entrando...

Entra um cama de casal, daquelas enormes, com  dossel.

-Nooooooooooooossa! Deus do céu! Dizia, quase gritando a D.Mirtes.
Deve ser um rei esse vizinho...

E por aí foram. A desilusão veio quando viram um fogão de oito bocas entrando....
_Puxa, quem nos dias de hoje quer uma coisa dessas?

As horas passaram e as duas não viam ninguém estranho a não ser o pessoal da mudança e montadores dos móveis.


No meio da tarde, começa a aparecer gente estranha:

Uma senhora enorme de gorda com seu cão também bem robusto entram no prédio. As duas  controlam no corredor e o elevador parou no 6º andar.  

_É essa a nova moradora,diziam as duas, perdendo as esperanças.

Por volta das 17:30 hs, chega um garotão , esse sim, sarado, lindo...

Nessa hora, despedem-se as duas dizendo ter muito a fazer em casa...

Passa um pouco de tempo,  se encontram no corredor do 6º andar, cada uma com um pratinho na mão.

Desconcertadas, mesmo assim, bateram na porta e a senhora veio atender.
_ Viemos dar as boas vindas  e trouxemos esses docinhos!

A senhora as recebeu fria ,mas educadamente.
Elas entraram e começaram as perguntas de praxe...

Descobriram que o tal gatão, era o novo namorado dela .

_ Ele é esportista? Vimos que entraram tantos aparelhos de ginástica e musculação...

- Não!  É que para nosso relacionamento andar bem, ele precisa estar forte, segundo ele...
Assim, primeiro prepara almoços e jantas especiais, que quase  só eu como e depois vamos gastar as energias...

_ Na cama? Naquela linda cama que vimos entrar?

_Ora, não!!!
Aquela é  do Brutus, nosso cão... Só dorme nela!

_E a de vocês?

_ Bem queridas, acho que já fizeram perguntas demais por hoje, não?

Obrigado pelos doces e saudações...Nos veremos, certamente! E foi abrindo a porta.

As duas saíram muito mais intrigadas...Precisavam rememorar tudo o que tinham visto e ouvido por lá e então chegar  às conclusões...

E, pelo prédio  todos queriam saber mais sobre quem era o novo vizinho.

Ninguém sabia mais detalhes do que elas.

Até que um dia, ouvem a sirene de uma ambulância...
E, apressados , os enfermeiros entram no prédio, vão ao 6º andar...

Elas correm, chegam primeiro...

Lá avistam um triste quadro...
O saradão nervoso, roía as unhas e corria de cá pra lá!  
_ Minha querida se foi!!! Não aguentou! Ele falava ,mas  parecia estranho e frio...

_ O que houve?

Como sempre, dormíamos na banheira....Juntinhos, com a água bem morninha...Mas hoje, tive insônia e levantei...
Ela foi escorregando, escorregando ,escorregando e afundou..

Nem foi preciso falar mais nada e em pouco tempo ,ali estava a polícia. O levaram.  E só então os vizinhos ficaram sabendo de tudo:

A vizinha gordinha era a sua quarta vítima, nas mesmas situações.
Ele tinha taras, exigia que as vítimas comessem muito, mas muito mesmo...Era comidas e mais comidas.
Além disso, sempre presente a  cama de dossel para Brutus e depois assim terminava.

E como até aquela data ele não havia sido pego pela polícia, levava sempre em suas mudanças a velha e linda cama e Brutus, que apenas mudava de dona...
E essas sempre ricas senhoras gordas...

Agora acabara...

O mistério havia sido desvendado no prédio.

_E Brutus?

Foi doado para um canil, onde não se adaptou ao pequeno espaço e lá morreu.  Daqueles vizinhos, só as lembranças...

Passam, alguns dias   e D.Mirtes e Joaquina notam que um novo caminhão de mudanças estaciona na frente do prédio...

_Que bom!!! Poderemos começar tudo de novo!

Foi tão bom sonhar e ter novamente  o que fazer, riem as duas já indo em direção à janela...


*Imagem DAQUI

46 comentários:

  1. oi Chica,

    até onde vai a doença mental
    do ser humano?
    você escreve com muito humor o
    fofocar de duas vizinhas idosas e desocupadas,
    mas por trás dessas fofocas uma triste história que acontece dentro de muitos lares espalhados
    por ai...
    que loucura!!!

    beijinhos

    ResponderExcluir
  2. oi Chica,

    voltei pra dizer da minha indignação,
    com o tratamento do seu marido,
    enquanto a saúde das pessoas não for tratada com respeito e como primordial nesse Pais,
    as coisas não vão ter jeito,
    o atendimento é bem feito só com dinheiro na mão,
    e esses planos de saúde então,
    cobrem qualquer tratamento,mas somente na hora de vender...

    beijinhos
    se precisar de algo,sabe onde me encontrar!!!

    ResponderExcluir
  3. uhauaauhha Caramba!
    Isso que é assunto né?! As vizinhas vão ter o que falar um bom tempo, adorei! Bjos!

    ResponderExcluir
  4. Oi
    Querida Chica
    Engana-se quem pensa
    Que isto é mais uma história
    A muita verdade em tudo isto.........
    Vim desejar um lindo dia
    Deixar um abraço carinhoso
    Bjos

    ResponderExcluir
  5. Olá querida,bela reflexão!Beijos carinhosos prá ti.
    Também tenho um espacinho na net,se quiseres conhecer,ficarei imensamente feliz com sua presença.
    http://compartilhandobencaoss.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  6. Tadinha da Rosinha, uma mocinha bonitinha, bem sozinha, já beirando os sessentinha, embora muito atrasadinha, só lhe sobrou uma dançadinha, pois, nem com a morte da gordinha, lhe restou uma esperançinha. Há! Ia dando uma esquecidinha, porque nessa historinha, também deu uma dançadinha, a Norminha da vizinha. Rsrs. Belo conto Chica, ótima participação.

    Abraços e muita paz e saúde para todos.

    Furtado.

    ResponderExcluir
  7. Pra quem não tem o que fazer , deve ser bem divertido morar em apto e espiar a rotina de outras pessoas né?
    gostei!

    como está seu marido chica ?
    tudo bem?
    lindo dia !
    bjs

    ResponderExcluir
  8. Oi Chica,
    Pelo menos a visinha gordinha teve uma morte feliz!
    Fiquei com peninha do Brutus, eu ficaria com ele! Pq não me avisaram?
    Beijos 1000 e uma ótima 3ª-feira para vc.

    www.gosto-disto.com

    ResponderExcluir
  9. Bom dia,Chica!Sinceramente espero não ter essas duas como vizinhas,kkk.Odeio gente entrometida,kkk.
    Beijosss

    ResponderExcluir
  10. KKKKKKKKKKKK.... UM HUMOR UM POCUCO MACABRO E LEVE CHICA. O PIOR É QUE COISAS ASSIM ACONTCEM EM MUITO...KKKK. GOSTEI!!!!

    BEIJOS E BOM DIA!!

    ResponderExcluir
  11. KKK...Chica,essa foi bem imaginativa!Voou longe!...rss.s..mas ficou uma ótima história, bem escrita do começo ao fim e só fiquei com pena do cachorro!Que final,tadinho!Bjs,

    ResponderExcluir
  12. Chica, minha amiga... que imaginação! :) Mas ficou muito bom. Boa semana!

    ResponderExcluir
  13. Uma historinha meio sinistra hem Chica rsrs
    Andou lendo algum livro policial ou vendo Tv ,(aqueles seriado cheios de mistérios) rs
    interessante e a vontade de ler rápido pra saber o que acontece no final, parece que para as fofoqueiras haverá sempre mais assunto né nao?
    abraços Chica uma boa tarde

    ResponderExcluir
  14. Queria que o fim fosse mais apimentado, as senhoras Sherlock Holmes que o digam! (pra nao dizer fofoqueiras rsss)

    Muito boa, amiga!

    ResponderExcluir
  15. Chica querida

    Existe muita verdade nesta história.

    Beijinho e uma flor

    ResponderExcluir
  16. Essas vizinhas...rs Estou passando para te desejar uma ótima semana e saber como estão as coisas por aí? Me envia um email contando. Estou na torcida sempre viu? Um grande abraço!

    ResponderExcluir
  17. Oi Chica!
    rsssss
    Só você mesma com tanta criatividade!
    É, mas a vida é assim pra fofoqueiro nunca falta assunto e de bizarrices o mundo está cheio. Nesse caso só sobrou pro cachorrinho.rss
    Beijinhos!

    ResponderExcluir
  18. Apesar do sinistro da histórinha, quase me vi tentada a ler o final, quando ainda ía a meio da leitura...achei deliciosa !
    Bjs

    ResponderExcluir
  19. Hoje mesmo Laura me disse: mamãe tem algumas pessoas esquisitas né? Beijos, Chica!

    ResponderExcluir
  20. Uau! Que suspense! Um verdadeiro conto policial.
    Adoro suas histórias!
    Gdbeijo

    ResponderExcluir
  21. Querida Chica
    Me diverti muito com seu texto. Acho que todos temos "Mirtes e Joaquinas" por perto, não é ?
    Beijão
    Roseli

    ResponderExcluir
  22. Adorei!!!! A ficção se assemelha muito à realidade. Por mais que a vida mude, essa curiosidade permanece. Bjs.

    ResponderExcluir
  23. Hahahhahahahhahahahaha Chica, essa foi boa! Só você mesmo viu!
    Parabens.

    ResponderExcluir
  24. Chica
    O que acontece nos apartamentos? Ou o que acontece com as vizinhas que saem tudo/
    Caso de policia !
    Eu estou lendo livros policiais e quase perco o folego de tanta mortandade.
    Esta parecendo estes livros.

    com carinho MOnica

    ResponderExcluir
  25. Como sempre uma estória cativante q nos envolve do começo ao fim.

    ps.: obrigada minha querida por sua presença sempre carinhosa em meu blog.

    Um grande abraço

    ResponderExcluir
  26. Ei Chica
    Só mesmo você com seu senso de humor e sua imaginação tão fértil.
    Adorei a história, ainda bem que você não nos deixou sem saber o final.
    Bjo e boa noite.

    ResponderExcluir
  27. E eu que não me ligo na vizinhança? Perdi toda a história. Ah! Deixo para as comadres...Cada um na sua e tudo bem:)) Um abraço, Yayá.

    ResponderExcluir
  28. Caramba, fiquei passada com o saradão.hehehe

    E ó, o que tem de marocas por aí,né.Adorei o texto ...criativo e bem humorado.

    Beijinhos
    Ana

    ResponderExcluir
  29. FIQUEI COM PENINHA DO BRUTUS ...

    TADINHO

    MAS ISSO ACONTECE NA VIDA REAL VIU?? E MUITO...

    ESSAS DUAS DEVEM TER APRENDIDO A LIÇÃO... DE NÃO COBIÇAR AS COISAS SEM SABER A PROCEDENCIA ...POR VEZES A CASCA É LINDA MAS O INTERIORE FEIO DEMAIS SRSRS

    E TEM TANTA DESSAS VIZINHAS QUE CUIDAM DA VIDA ALEHIA NÃO TEM?
    EU MESMO TENHO DUAS KKK KKK MAS ELAS MORREM DE CURIOSIDADE E EU NEM LIGO QUEREM SABER DE TUDO QUE ACONTECE POR AQUI EU ME LIMITO NUM BOA DIA BOA TARDE ..E ELAS FICAM ALI COM A IMAGINAÇÃO CORRENDO SOLTA SRSR SRSRSR KK TADINHAS ...

    CHICA VOCE TEM UMA IMAGINAÇÃO GRANDE PARA ESSES CONTOS AMO TODOS ...


    BEIJOS

    OTILIA

    ResponderExcluir
  30. Chica do céu, quanta criatividade! acho que voce anda vendo filmes demais!
    Meu Deus, só mulheres gordas, banheira, cachorro dormindo em cama de rei!
    E as vizinhas então?
    Cheguei a pensar que a mãe da Norminha era voce pelo "tuuuuuuuuudo" que colocou por lá kkkkkkk!
    Ai minha amiga, que bom ver sua veia humoristica novamente.
    Adoro quando voce escreve essas loucuras só para fazer a gente rir.
    Meus dias estão tão corridos Chica, minha netinha andou doente, mas está melhor, e a gente fica tão cansada não é?
    Mas tudo deve voltar ao normal, logo, logo.
    Beijos querida, parabéns e cuidado com novos vizinhos, nada de aceitar convites para jantar em?

    ResponderExcluir
  31. ah, a curiosidade humana...kkkkkkk

    olha, Chica, o enredo desta história foi ótimo, me surpreendeu.

    beijos

    ResponderExcluir
  32. Rsrssss.... Que vizinhas!! Ou seria, que vizinhanças mais estranhas... Kkkkk
    Beijos,
    Ana Lúcia.
    Obs.: Chica, gostaria que desse o seu palpite em minha ousadia, lá em meu canto.

    ResponderExcluir
  33. Me diga onde não há marocas? rsrsrs Aqui no condomínio há várias! rsrsrs
    Beijos!

    ResponderExcluir
  34. My God! Quanta imaginação!...Hehehehehe

    Mas é muito engraçado isso, né? Quando a gente vê uma mudança chegando, já fica tentando imaginar que tipos de pessoas serão, se tem criança, cachorro, periquito... e por aí afora...rsrsrs

    Beijão pra você, Chiquinha.

    Fique bem, fique com Deus.

    Cid@

    ResponderExcluir
  35. Adoramos a sua história, Tia Chica
    Muito engraçada...hihihi
    Só ficamos com muita pena do Brutus.
    Coitadinho!!!
    Estamos participando de um sorteio, no blog da Tia Wayne
    http://gatosminhavida.blogspot.com.br/
    Se tiver um tempinho dê uma olhadinha na nossa frase
    É a frase de número 3
    Muitos lambeijos e ronrons das suas amiguinhas
    Juja e Jujuba

    ResponderExcluir
  36. Chica, que conto, vc tem muuuuuuuita fantasia.

    Olha, mas dormir na banheira com água, aqui eu iria ficar congelada, hahhahaha.

    Um beijo grande

    ResponderExcluir
  37. minha amiga adorei a história morri de rir da anne lieri que só ficou com pana do cachorro ka,ka,ka, chica quando abro minha pagina pela manhã
    és a primeira alegria que tenho tua visita,dificilmente tem alguem antes de voce agradeço o carinho de sempre bjs amiga um dia lindo para voce bjs marlene

    ResponderExcluir
  38. Fica a dica né Chica? dormir na banheira nem que seja com o maior gatão... vai saber as intençoes dele né? kkkkkkkk
    Eu também ficava com o Brutus..tadinho!!!
    chica, você já reparou que estas velhinhas fofoqueiras são muito prestativas também? Elas estão em todas, sempre a procura de assuntos porque afinal o que resta pra elas? Eu tenho uma aqui que vive querendo saber de tudo e sempre vem tomar chá comigo, porque eu convido, ai eu invento um monte de estórias pra ela e ela sai toda feliz da vida....Quando as fofoqueiras são novas e capazes de sair pra trabalhar e cuidar da vida delas eu saio correndo e fujo delas, mas quando são velhinhas eu abro a guarda e sabe que o tempo que ela passa comigo evita que ela fique olhando o que não precisa? Na verdade o que elas querem é atenção...Ai..ai.. eu sempre filosofando né?
    Beijos carinhosos pra você...
    Marcia
    Ps: Chica vi nos comentários sobre o seu esposo..ele esta bem?

    ResponderExcluir
  39. Gostei Chica, tem uma pitada de realidade. Bjs e ótima semana.

    ResponderExcluir
  40. ahahah Excelente. O que aqui descreveste é o que acontece. A vida alheia fascina algumas pessoas e a realidade por vezes choca e é uma má surpresa. Beijinhos

    ResponderExcluir
  41. Oi Chica,

    Adorei o conto! Quando chega vizinhos novos no meu prédio, minha secretária fica ansiosa em descobrir que é, se tem filhos, hábitos, cachorro, etc. Como ela fica em casa a maior sempre digo a ela para não bisbilhotar, mas ela e as comadres do prédio adoram essa curiosidade.

    Beijos.

    ResponderExcluir
  42. Acho que elas não tem internet...

    ResponderExcluir
  43. Hehehe! Acho que ninguém esperava esse desfecho!!!
    Adorei!
    Um grande abraço
    Léia

    ResponderExcluir
  44. Nossa,Chica...

    Pior é que acontece!!Que coisa,né?!
    Criatividade sempre a mil!!!rsrs
    *Adorei o toque de bom humor!rsrs
    Mas o desfecho, nos faz pensar...bem verdaddeiro.
    Beijos!!!

    ResponderExcluir
  45. kkkkkkkkkkkk
    fiquei com peninha do cachorrinho...
    bjos

    ResponderExcluir
  46. Seus contos sempre cheios de humor!

    Moro em prédio e sei que é meio assim... cheio de pessoas que já não tem muito o que fazer, além de pensar e falar na vida dos outros vizinhos!!

    ResponderExcluir

✿ Coisa boa te ver aqui!beijos,chica ✿