♥ Alegria! ♥



Naquele dia,
ela acorda, 
vai direto ao Centro Clínico...

Ao voltar para casa
passa antes na padaria,
na banca   de jornais.

Escolhe, apanha na prateleira, 
coloca no cesto da bicicleta.

Passa no florista, escolhe rosas.
Pede que as embrulhem em seda e rendas ...

Sentia-se pronta!
Tudo ali, ela pedala rumo à casa...

Todo o conteúdo do cesto podia até indicar felicidade,
Mas a maior delas, estava em seu ventre,agora  de verdade!

E apenas em casa, a boa nova iria poder dar!

A doce espera estava  agora confirmada!
Seu  coração, de alegria, batia em disparada!

chica