♥Proibido para quem tem labirintite,rs... ♥


Ansiedade,
quanta espera!
Como ele estava a demorar!

Já cansada,
enraivecida,
reclamava da sua vida!

Que diabos de vida tenho?
Não posso um amor meu  viver?

E girava, e girava
em pé no banco,
rodando,  o tempo passava...

O tempo passou
Vera rodou...

Caiu do banco, tonteou...
Mas, pelo menos ,de um pesadelo se livrou!



********************

Chegou a Maria Luiza

Gira, gira sapatinho
Aqui no banco do jardim
Esperando seu amor
Que atrasado ficou.

E gira que gira e tanto girou
tão tonta ficou
que no chão se estatelou
e seu amor nunca mais voltou!