Olhem o que temos por no chica escreve!

Olhem o que temos por no chica escreve!
Basta clicar!

Vejam no Chica brinca de poesia!!!

Vejam no Chica brinca de poesia!!!
Basta clicar!

♥ O verdadeiro doutor! ♥


* Imagem Mulata de Di Cavalcanti , daqui


Edição Conto/Histórias do Bloinquês: 

Tema: "Mulata, pele escura, dente branco, vai o teu caminho que eu vou te seguindo no pensamento."

(((o)))o(((o)))o(((o)))

Everaldo trabalhava num escritório de advocacia. Fazia  um trabalho importante. Levava os processos ao Fórum, ajuizava ações, fazia os trâmites necessários o bom andamento das causas .

Além disso, estudava à noite, faltavam apenas dois semestres para concluir seu curso. Estagiando ali, estava se preparando bem para a carreira.

Entre os advogados daquela banca, havia Teresa, formada há mais tempo, noiva do chefe dali," Dr". Roberto.

Ela era uma linda mulata, sorridente e parecendo sempre de bem com  vida.

As coisas  andavam normalmente e ele ,sempre que entrava na sala da  "Dra".Teresa, sentia um rubor, calor, algo diferente. A olhava e gostava demais do que via.

Deu-se conta disso e sabia que não poderia ir além das conversas de trabalho.  Ela, mesmo sem querer, colocava limites...

Porém , o tempo passava e ele não mais dominava o que sentia.

Teresa percebeu a situação e parecia divertir-se, até gostar da coisa... Passou então a dar "corda"...
E ele, quase com ela se enforcou...

Ainda bem , em tempo, passou a  pensar na sua situação financeira, no seu emprego que, na certa perderia e em seus pais que esperavam e necessitavam sua ajuda...

Soube dominar seus sentimentos e esconder emoções... E o fez bem, a ponto de, a cada provocada dela, se insinuando, ele apenas pensar com seus próprios botões:

_"Mulata, pele escura, dente branco, vai o teu caminho que eu vou te seguindo no pensamento." 
Posso sofrer, mas não cairei na tentação.E resistia!

Aquilo se repetia. Ele mostrava-se o mais duro possível nas relações de trabalho com ela, mas recebia sorrisos e abraços quase esparramados, de volta.
A situação ficou cada vez pior pois, a cada demonstração de dureza dele, mais ela atacava.

Um dia,ele pergunta:

_ Por que a Dra. está fazendo isso comigo?

_Isso o que? Vem cá, mais perto, chega aqui...E, nessa hora gruda um beijo nele, que retribui,sem se conter...

Abre-se a porta e entra Dr.Roberto, o  noivo e dono da banca.

Ele, surpreendido, não sabe o que fazer!
Ela, vira o jogo e coloca as culpas nele, dizendo ter sido atacada  inesperadamente.

Dr.Roberto nem mais pensou em nada. Demitiu-o dali, deixando-o sem condições de se defender e arrasado moral e psicologicamente.

_És um verme e tenho pena, só pena de ti! -Diz aos gritos à Everaldo.
Não és digno de frequentar meu escritório. Nunca serás chamado de doutor! 

Antes de sair, Everaldo apenas retruca:

_ Títulos nunca me importaram! Aliás, apenas por ser advogado ,ninguém deveria usá-lo. E sai, juntando suas coisas,deixando Roberto esbravejando.

O tempo passa, ele consegue se formar, arruma um outro emprego e, nas coincidências da vida, encontra-se do lado oposto da mesa numa sala de  audiências.

Ela defendia a reclamada;ele, o reclamante. Ele mal a podia olhar, tal irritação lhe possuía.Ela lhe fizera muito mal.

O juiz dá ganho de causa ao cliente dele, o que lhe deixou feliz.  Ganhar uma causa sempre valia,ainda mais aquela...Ninguém imaginava o quanto.

Ao sair dali, acompanhado do cliente, ela passa por ele,e sussurra baixinho:

_ Ainda vais ser meu!

Ele, escuta,lembra que fazia pouco tempo que ela se casara com o Dr.Roberto. Nessa hora,  só pensa:

_Vai mulata, de dentes brancos e alma preta.Vai, vai, tens parte com o capeta...

E, agradece  poder ter a certeza de sua integridade, ainda que nunca tenha podido se explicar ao ex chefe. 
Esse, ele tinha certeza, logo,logo, descobriria quem era a mulher  com quem se casara...

Dela, ele queria distância e saberia mantê-la!

Logo, suas suspeitas foram confirmadas e nos meios jurídicos  conversa era aquela...

Agora, sentia pena de Dr.Roberto...Mas, pensando bem, eles se mereciam!

Everaldo estava certo . Certo e feliz com sua "Dra".Leninha, sua esposa e juntos, aguardava o nascimento do primeiro filho.

Leninha não tinha curso superior,mas para ele, tinha a sabedoria e sabia lhe fazer feliz 

Era a doutora de seu coração e ele, além disso, ia muito bem obrigada, em sua própria banca! 

E fazia questão de não usar o DR. em seu escritório...

Sabia que o titulo não precisava ser algo exterior e se sentia um doutor, por dentro...

Havia enfrentado tantas adversidades, vencera tanta coisa...
Isso lhe dava o título e ainda mais, usava o seu curso de Direito para  o bem...

Podia, pelo menos, dormir tranquilo...

42 comentários:

  1. A dignidade não tem preço.
    E Everaldo ainda teve sorte, sei de uma história parecida em que a pessoa foi seguida a vida toda e nunca mais teve uma chance de crescer.
    Vai saber!!!!

    Beijinhos Chica

    ResponderExcluir
  2. Oi Chica, estou aqui por algumas horas com o leptop da filha, portanto aproveito para fazer algumas visistas.
    que bela "galhada"o doutor ganhou na cabeca em?
    bem feito! bicho besta!
    Para mim, o homeme que nao percebe a "quenga"que tem ao lado merece uma galheira mesmo. Principalmente de for ignorante ao ponto de prejudicar alguem.
    e esse negocio de "dr"eu também sou contra, assim como muitas pessoas que conheco.
    na familia temos 3 advogados (minha Juliana, o Edison irmao e a filha dele, Bárbara) . Todos pensam da mesma forma. Doutor é um titulo que voce adquire depois de prestar provas para doutorado em determinada banca. Nao é para qualquer bunda suja!
    E o nosso Everaldo é uma pessoa digna, merece ser feliz.
    Adorei sua postagem, carregada de dignidade e verdades.
    Ah! quanto ao binoculo para ver a tatoo, náo é nada disso kkkkkkkk
    ela mostrou pra gente numa reuniao só de meninas que teve outro dia no salao, por ocasiao do aniversario de uma das moradoras.
    foi uma risada geral, imagine! é uma louca essa minha vizinha.
    gostamos dela, é muito divertida, mas totalmente "trilili"rsrsrs
    beijos querida, até quando der...

    ResponderExcluir
  3. A VIDA É ASSIM, NÉ? COMO DIZ A INTERPRETAÇÃO DE ELIS REGINA: "VIVENDO E APRENDENDO A JOGAR, NEM SEMPRE GANHANDO, NEM SEMPRE PERDENDO MAS APRENDENDO A JOGAR"...
    TEXTO MUITO BEM DESENVOLVIDO, COLEGA! PARABÉNS!
    TENHA UMA LINDA QUARTA, CHICA!

    ResponderExcluir
  4. Oi Chica......amei ler o teu conto!!!

    O seu personagem até que foi muito resistente!
    E nada como um dia após o outro!
    Que bom que o seu conto teve final feliz!!

    Um bj,,,

    ResponderExcluir
  5. Bom dia,Chica!Passando para desejar-lhe uma ótima quarta-feira!Beijosss

    ResponderExcluir
  6. Oi Chica,
    Eu tinha 2 amigas assim! Elas eram lindas, maravilhosas, sedutoras e não admitiam que um sujeito não olhasse para elas. Caiam matando, fosse ele casado ou não. Quer saber de uma coisa? Terminaram lindas, maravilhosas e solteiras!
    xoxo

    Gosto disto!

    ResponderExcluir
  7. Chica que delícia de conto, me prendeu do começo ao fim. Existem umas "mulheres" por aí que não tem mesmo o menor respeito por ninguém, começando por elas próprias, mas Everaldo foi forte e teve um equilíbrio para sair dessa situação, ainda que por um momento deixando-se levar... Mas que no final das contas foi até melhor pois o afastou daquele ambiente que lhe fazia tanto mal...

    Beijos!
    Lindo dia pra ti.
    Su.

    ResponderExcluir
  8. Boa 4ª feira, Chica...
    Vale a pena ter integridade sempre... A consciência tranquila e o coração livre valem ouro!

    Muito bom visitar hoje aqui... Beijos

    ResponderExcluir
  9. Que situação!! Sorte que no final, tudo deu certo...
    Beijos,

    ResponderExcluir
  10. ANARRIÊ....é minha xará no avesso....aff.
    Mas que bom que ele demonstrou ter caráter e venceu!
    bjs e boa quarta!

    ResponderExcluir
  11. Oi Chica!
    Belo conto! E uma boa lição, a dignidade em primeiro lugar!
    E que lindo final, dormir de consciência tranquila não tem preço.
    Beijinhos!

    ResponderExcluir
  12. Oii, Chiquinha !!!

    Encostar a cabecinha no travesseiro e dormir em paz é o tipo de coisa q não tem preço.Lindo texto.

    Beijinhos

    Ana

    ResponderExcluir
  13. OLA MINHA QUERIDA SAUDADE DE VOCE ADOREI LER ESTA HISTÓRIA COMO MUITAS QUE EXISTEM NO MUNDO VERDADEIRAS MAS O PROTAGONISTA DEVE SEMPRE LEMBRAR QUE POR MAIOR QUE SEJA A TENTAÇÃO NÃO VALE APENA TROCAR A PAZ E O CARINHO DE UMA RELAÇÃO SÉRIA E VERDADEIRA POR UM BELO SORRISO OU UM CORPO ESCULTURAL MAS UM CONTO LINDO ADOREI BJS COM CARINHO MARLENE

    ResponderExcluir
  14. Chica, no seu conto, há amor, traição, infidelidade e sobretudo honra.

    Fatos assim acontecem conosco, no mais simples cotidiano.
    Dormir em paz com honra , é a atitude que todos devemos
    ter mediante situações canalhas e destruidoras com que nos deparamos as vezes.

    beijos
    Zizi

    ResponderExcluir
  15. Viva o Everaldo!!!!

    ResponderExcluir
  16. Que agitação! Não trocar o certo pelo duvidoso é tudo de bom!

    ResponderExcluir
  17. Chica minha querida
    Infelizmente esta tua estória acontece muito no dia a dia, mas nada melhor que deitar a cabeça na almofada e dormir com a consciência tranquila. Coisa dificil.

    Beijinho e uma flor

    ResponderExcluir
  18. Esta estória daria um bom samba-canção!

    Beijos!

    ResponderExcluir
  19. Infelizmente muitas pessoas agem assim, querem sempre provar a si mesmas que são irresistíveis,abraço querida.

    ResponderExcluir
  20. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  21. Mas Chica, que mulata assanhada...!!!!!! rsss

    ResponderExcluir
  22. CHICA ESSA HISTORIA SUA É DEMAIS DE BOA .. SABE PRA QUE? PRA COLOCAR NA CABEÇA DAS PESSOAS QUE TITULOS E POSIÇÃO SOCIAL ISSO NÃO SÃO ETERNOS E UM DIA QUEM ESTA EM CIMA PODE ESTAR POR BAIXO E QUE O CARATER É O MELHOR TITULO QUE UMA PESSOA PODE TER. SABE EU NAO PUDE DEIXAR DE ME LEMBRAR DE COMO A VIDA MUDA COM UMA COISA QUE SE PASSOU COMIGO .QUANDO CHEGUEI NO MT MEU MARIDO TRABALHAVA NO ADMINISTRATIVO E MORAVAMOS NA FAZENDA E A VIDA ERA DURA . ´PRA VC TER IDEIA 75 KM ERAM FEITOS EM 5 HORAS ESTRADAS DE CHÃO BARRO E MUITA DIFICULDADE . TINHA MEU FILHO RECEM NASCIDO E ELE ERA MUITO DOENTE . ENFIM TINHAMOS QUE IR NA CIDADE TODA SEMANA LEVAR O MENINO QUASE MORRENDO SEMPRE EU TINHA 21 ANOS E MEU AMRIDO 29 .
    NA CIDADE TINHA UM ESCRITORIO E LA UMA SECRETÁRIA MEIO GERENTE ..UMA CERTA VEZ MEU FILHO QUEIMANDO DE FEBRE FUI PEDIR AGUA PARA A MOÇA QUE CUIDAVA DA COZINHA NO ESCRITORIO NA CIDADE A MOÇA VENDO QUE EU QUERIA FAZER MAMADEIRA PRO MEU FILHO QUE ESTAVA DOENTE QUEIMANDO DE FEBRE ME DEU AGUA MINERAL .
    PRA MINHA SURPRESA A GERENTE CHEGOU NA HORA E VIU E DISSE A MOÇA DA COZINHA

    AGUA MINERAL É PRO PESSOA DA CIDADE E NÃO PRA PEOÃO DA FAZENDA

    CHICA EU ME SENTI UM LIXO ..SOZINHA LONGE DA MINHA FAMILIA LINDA FAMILIA E MEU FILHO DOENTE SENDO HUMILHADO POR UM RAPARIGA DAQUELA QUE SE ACHAVA OA RAINHA DA COCADA BRANCA
    ENFIM PASSARAM 4 ANOS MEU MARIDO COMPETENTE DEMAIS FOI PROMOVIDO A GERENCIA ADM.GERAL DO GRUPO E GANHAMOS UMA CASA NA CIDADE LINDA E ELE UM CARGO BOM COM SALA SECRETARIA E TUDO MAS ANTES DISSO ELES DESPEDIRIAM UMA CERTA MOÇA QUE ESTAVA FAZENDO FALCATRUAS NA EMPRESA E ERA MEU MARIDO QUEM IA DESPEDIR E ADIVINHA QUEM ERA??

    CLARO A MOÇA QUE HAVIA NEGADO AGUA AO FILHO DELE A ANOS ATRAS ..


    ACREDITO EU QUE NA HORA ELE NAO TOCOU NESSE ASSUNTO MAS LOGICO QUE EU TOQUEI UMA CERTA VEZ QUE CRUZEI COM ELA NO SUPERMERCADO A SITUAÇÃO DA MOÇA FICOU FEIA ELA QUASE FOI PRESA E VIVE HOJE BEM POR CONTA DE SER MUITO AJUDADA PELOS IRMÃOS , UM DIA DESSES ENCONTREI ELA NO FACEBOOK E ME ASSUSTEI COM A FIGURA TRISTE E VELHA QUE ELA ESTA DEU ATE PENA

    MAS A LEI DA AÇÃO E REAÇÃO EXISTE E PRA TODOS NÉ??

    ESSA ADVOGADA ACHOU O DELA COM CERTEZA ...E O MOÇO .. SEGUIU SUA VIDA EM PAZ


    BEIJOS QUERIDA


    OTILIA

    ResponderExcluir
  23. Hehehehehehehe, eita mulatinha hien!
    Mais uma beleza de coisinha da Chica, essa aqui!
    Parabens amiga.

    ResponderExcluir
  24. Férias é?! aproveite bem , mas não esqueça de nós,vc falta !!!
    beijo

    ResponderExcluir
  25. Eita.. e quantas mulatas assim não há por ai..? O difícil mesmo é encontrar alguém como Everaldo.. homem de caráter.

    Ótima história, Chica, parabéns.

    Bjos, tenha um ótimo dia..

    ResponderExcluir
  26. Oi Chica,

    Tudo bem? Texto com uma série de olhares. Fiquei com medo do final, mas amei a lógica que encontrasse. O jogo é sempre um perigo, mas o caminho do bem conduz ao melhor.

    Parabéns!

    Lu

    ResponderExcluir
  27. Bom dia Chica, tudo bem?
    Venho hoje trazer algumas novidades a cerca da promoção do livro "A última entrevista do casal John Lennon e Yoko Ono". Houve uma mudança nela e gostaria que você visse.

    http://oleitor2.blogspot.com.br/2012/07/esclarecimentos.html

    Peço mil perdões e sua compreensão.
    Obrigada,
    Pamela.

    ResponderExcluir
  28. Chica querida!

    Passando para desejar uma quinta iluminada!

    Bjss

    http://toutlamour.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  29. Ahhhhhh querida Chica! Esse seu conto está SENSACIONAL, como sempre! Mas esse em especial me tocou porque pertenço a uma família de advogados, além de também já ter namorado alguns, e acho uma besteira essa questão do "Dr"... Affff! O seu conto traz muito mais que isso, traz mensagens importantes de que rótulos não nos servem de nada, o que importa é ter moral e dignidade, independente de ser de fato "Dr" ou não. Show! Parabéns!
    Beijo, beijo!
    She

    ResponderExcluir
  30. Adorei, que bom que teu personagem conseguiu um novo rumo e crescer na vida, nem todos tem essa chance.

    http://iasmincruz.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  31. Belo conto, li com sofreguidão! uma boa lição, a dignidade em primeiro lugar, sempre.
    Bjs

    ResponderExcluir
  32. Gostei da mensagem positiva, levantar a poeira e dar a volta por cima. No geral, a vida sempre dá um jeito de dar o troco a quem merece.

    ResponderExcluir
  33. Que lindo texto, Chica querida! Adorei!
    Beijossssssssss e tudo de bom pra ti
    Vero

    ResponderExcluir
  34. oi Chica,

    eta mulatinha danada,
    mas a integridade não se compra na esquina né Chica?

    adorei!
    beijinhos

    ResponderExcluir
  35. Oi Chica!
    Que bonito texto!
    O caminho do bem sempre vence, as pessoas íntegras dormem em paz!
    Chica, tratei de acender minha velinha e aqui estou!
    Obrigada por tudo!
    Um grande abraço e beijo e boas férias!
    Mariangela

    ResponderExcluir
  36. Oi Chica, tudo bem?
    Danadinha esta mulata, a Teresa.
    Por pouco não consegue arruinar a vida do Everaldo, e ele durão e íntegro.
    Beijo.

    ResponderExcluir
  37. Bom diaa flor adorei o texto *-*
    bjusss

    ResponderExcluir
  38. Os retos de coração sempre pagam o preço, mas vale a pena. Um texto excelente que revela a natureza humana como ela é.
    Abração.

    ResponderExcluir
  39. Chica, além de multi-blogueira, escritora e fotógrafa (eitaaaa), tu também és advogada, né?
    Beijocas!

    ResponderExcluir
  40. Chica, que maravilha de coisinha sua, essa aí.
    O assédio sexual tem muitas versões possíveis, as sua é interesSANTÍSSIMA, pois parece ir na contramão do usual.
    E fica é difícil resistir a tanta tentação, com certeza.
    Beijos

    ResponderExcluir
  41. Olá,Chica!Belo conto,eu acho ridículo as pessoas usarem o título de doutor pra médico e advogado,doutor é pra quem tem doutorado e a vida tem lá seus caminhos e o mundo dá muitas voltas e quem bom que é assim.
    Uma ótima semana!
    Beijosss

    ResponderExcluir
  42. Mas bah, Chica.
    É muito difícil ser um Everaldo, na minha experiência pessoal conheci bem poucos... Lamentavelmente.
    Grande abraço e parabéns pelo belo conto.

    ResponderExcluir

✿ Coisa boa te ver aqui!beijos,chica ✿