✿ Artimanhas ...✿

26ª edição roteiro do BLOINQUÊS




(((o)))o(((o)))o(((o)))

Vinte e duas horas...

Batem à porta da casa de Ney que se preparava para ir ao encontro de amigos.

Ao abrir, depara-se com  uma moça parecendo nervosa que lhe pergunta:

_Posso   dar um telefonema? Meu celular ficou no escritório e preciso de um táxi pois não me sinto be....
não me sinto...

Nessa hora, cai desmaiada  ali, diante de seus olhos apavorados com a situação.
_ O que vou fazer?

Nem pensa, a  carrega no colo  e a leva para sua cama.

Vai até a cozinha buscar um pouco  de vinagre para fazê-la respirar. Isso era o que lembrava de ter visto sua mãe fazendo certa vez.

Embebe um pano e ao chegar de volta no quarto a olha ali deitada .Chega perto e parece ter visto seus olhos abrirem.

Chega mais perto e a olha intensamente...

Ela abre os olhos e pede sua mão. Se diz fraca e pede que fique com ela, que não a deixe só.
Ney dá á ela sua mão e ela o puxa para um abraço e beijo.

Ele ainda que atônito , corresponde e de repente a afasta, olhando-a fixamente olhos nos olhos.
Ela então fala:

_ Desculpe...foi o único modo que encontrei de perceberes que existo.Passavas por mim, sempre apressado e nem me vias ou fingias,não me ver.

E eu, desde que me mudei para cá, te cuido, sei dos teus horários de trabalho, entradas e saídas.Sei até a hora que colocas o lixo no corredor e tua cachorrinha, Prince escapa e deves buscá-la,  geralmente de roupão, que me deixa louca!

-Podes me perdoar? Tenho certeza que vamos nos dar bem!

-Ney sorrindo, deita ao seu lado e a abraça.

No momento, tem tanto a conversar e assim ficam até adormecer juntinhos...

Um começo atrapalhado, com disfarces, poderia vir a ser um lindo amor! A tentativa era válida e Ney estava disposto a tentar!