✿ Saudades ✿

Cuca

61ª edição conto/história  do Bloinquês-

Tema : Como seria se, na hora do adeus, ela(e) chorasse?


(((o)))o(((o)))o(((o)))

Na nossa vida tivemos vários animaizinhos.

Entre eles, a D.Cuca, uma linda, serelepe e loirinha coocker spaniel.Um doce de "pessoinha"...

Ficou junto a nós sempre em todas as ocasiões. No parque, viagens, tudo  ela participava, pois era tremendamente educada.(como a dona?rsrs)

Quando  pensava que ela um dia pudesse morrer, ficava a me perguntar como seria se, na hora do adeus, ela chorasse?

Ninguém aqui em casa podia ao menos pensar nisso, ela era parceirona mesmo!

Porém esquecemos que ela foi ficando velhinha e nem queríamos perceber...

Tinha seus movimentos diminuiídos, caminhava mal, apenas o olhar dócil e sincero continuava o mesmo...

Dois dias após completar quinze anos, começou a sofrer e uivava de dores.Não podia mais respirar,estava muito mal.

 A veterinária foi chamada e pediu que a acompanhasse e foi decidido que ela sofria muito e o melhor seria acabar com o sofrimento pelo bem dela.

Assim foi e com muita dor no coração, acompanhei aquele triste momento.

Fiquei firme, ao seu lado, fazendo cafuné  , acariciando e na hora da aplicação da injeção, pude ver lágrima saindo de seu olhinho lindo ( como as minhas que só de lembrar insistem em cair agora)...

Asim, com aquela lágrima, olhinhos brilhando, mas cheios de amor ,me fitando nos olhos, diretamente como sempre fazia, ela se foi.

Na época jurei nunca mais querer outra cachorrinha por não imaginava mais passar por isso.

Meu juramento? Durou apenas três meses. Desde então, estamos com a CUCA II, uma linda, simpática e loirinha  ,igualzinha à primeira.

Mas não a substituiu.

Veio apenas tomar seu lugar na casa, mas em nosso coração e lembranças existem as duas.

Cuca II  está quase com nove anos.Espero não ver lágrimas em seus olhos nunca!  chica
Essa é a Cuca II