Vejam no Chica brinca de poesia!!!

Vejam no Chica brinca de poesia!!!
Basta clicar!

Lá no chica escreve tem...

Lá no chica escreve tem...
Cliquem pra ver!

* Até as minhocas viram jararacas...


Quando nos tornamos mães, parece que algum "clic" acontece dentro de nós e que alguma coisa nos faz ficar muito mais fortes...
Parece que podemos enfrentar tudo o que for preciso, no que se referir à defesa de qualquer dos nossos filhos...
Quando pequeninhos, estão conosco e parece que ficamos mais tranquilos.
Porém chega uma hora em que a escolinha se faz necessária ao seu desenvolvimento e crescimento pessoal.
Lá vamos nós , contentes , com eles pelas mãozinhas e ao dar o beijo de despedida, parece que nosso coração vai quebrar.
Passamos então um período de adaptação que é, acho eu, mais para nós, mães, aprendermos a ficar mais tempo longe deles entregando-os aos cuidados de outros.
Nessa fase e na seguinte, do colégio própriamente dito, ficamos de olho para que não sejam machucados pelos coleguinhas mordedores, ou aqueles "queridinhos"que gostam de dar pontapés .
Assim, quando eles voltavam para casa com manchas roxas ou dentes cravados nas bochechas rosadinhas, o sangue velho subia...
Ver nossos filhos machucados nunca faz bem, mas sabemos que essa fase é natural em algumas crianças e então, tomamos as providências e aguentamos!
Depois, eles que continuam crescendo, se casam, e vão morar com outras pessoas.Enquanto estão felizes, nós também estamos.
Enquanto estão tranquilos, nós assim também nos sentimos...
Porém, querem ver o circo pegar fogo é um de nossos filhos ser maltratado ou ofendido por alguém.
E esse sentimento pode se ter, mesmo sem conhecer as pessoas que fazem ou fizeram algo para eles.
Muitas vezes, eles nem mais estão se importando com o acontecido e dentro de nós, apenas ao ouvir o nome daquela pessoa que os incomodou , já faz levantar aquela lapa nos nossos lábios, como cachorros rosnando...
O que será isso?
Serão todas as mães e pais assim?
Aqueles que conheço, o são na grande maioria!
Respeitem pois, nosso filhos, sem agressões por palavras, gestos ou até pensamentos...
Temos um "poder" e, nessa hora, a certeza que até uma simples minhoquinha pode virar uma jararaca...E das boas!
Pronta pra dar o bote!
Não mexam com ou maltratem nossos filhos e terão sempre somente as inofensivas minhoquinhas!
Caso contrário, chamem o Instituto Butantã! Nosso veneno está pronto! (Chica)

5 comentários:

  1. Mas bah, Chica.
    Muita calma...Muita calma...Filhos são nossa responsabilidade, sempre! Mas, sempre tem um mas, lembando Gibran; "nossos filhos não são nossos filhos, são filhos da ancia da vida..."E, sendo assim, costumo repetir sempre, se meus filhos têm que voar, desejo-lhes ASAS FORTES! É isso que ensinamos aos pequenos: Voar sempre mais alto e mais longe e sempre voltar para o ninho da COBRA!
    Obrigado pela visita, gostei dos seus blogs, escolhi este como meu preferido e estou linkando.

    ResponderExcluir
  2. Olá Chica
    Estou tão de acordo consigo! Eu costumo dizer que, quando os nossos filhos nascem, nunca mais olhamos para o mundo da mesma maneira. Tudo é visto em função deles. Depois eles crescem e temos de aprender a deixá-los voar.Acho que é a fase mais difícil. Isto eu acho que é normal. O que não é normal são mães que maltratam os filhos, ou matam, ou vendem ou outras coisas que nem nos passam pela cabeça. Há pessoas assim, pessoas que não merecem ser mães.
    Bjs

    ResponderExcluir
  3. Mãe é mãe...rs. Concordo em gênero, número e grau. Também sou uma simples minhoca desde que não "mexam" com meus filhos!

    Abçssssssss
    Adriana

    ResponderExcluir
  4. É, ja dizia a saudosa Elis Regina : " Ainda somos os mesmos, e vivemos como nossos pais"
    E assim será...quando o assunto é nossa cria... não há meio termo, leoas vem a tona rs
    bjs

    ResponderExcluir
  5. Ahhh Chica, todas as mães são iguais! Eu tenho um filho e posso te dizer: somos todas iguais quando nossas crias vão para omundo kkkk
    Beijos menina

    ResponderExcluir

✿ Coisa boa te ver aqui!beijos,chica ✿